Páginas: 96 pp.
Formato: 20 x 20 cm
ISBN: 978-989-8349-35-4

P.V.P. € 18,00

Alexandro Farto AKA Vhils

(edição bilingue port/ing)
Onde está a memória neste edifício de paredes imaculadas e chão atapetado e silencioso? Onde está a memória das atrizes e dos atores e da sua voz? No contexto do projeto Memória (1964), o TNDM II convidou Alexandre Farto AKA Vhils a intervir nas paredes do Teatro Nacional, no coração de Lisboa — e não num prédio em ruínas ou numa nave industrial abandonada algures na cidade. Ao Rossio, no centro da capital, poderá o Teatro Nacional funcionar como uma metáfora da cidade (im)perfeita? Através do olhar do fotógrafo Paulo Catrica e dos textos de António Mega Ferreira, Vítor Pavão dos Santos e Carlos Vargas, este livro regista esse trabalho feito por Vhils no Salão Nobre do Teatro Nacional entre 18 e 21 de setembro de 2014.
Saltar para a barra de ferramentas

18.00 Adicionar

Violência – Fetiche Do Homem BomAlexandro Farto AKA VhilsTrês Mulheres AltasMemoratorIfigénia, Agamémnon, ElectraCyrano de BergeracCoriolanoOs Juramentos IndiscretosAcima De Tudo Amar A Vida ou Conversas com Eunice Muñozof_28x28_1of_28x28_6of_28x28_5of_28x28_2of_28x28_4of_28x28_3of_28x28_7of_28x28_8

 

homem_elefanteCanção_miniaturaCenas_capa_miniaturaVirginia Woolf_miniaturaJoão Torto_miniaturaDanton_miniaturacapa_miniaturaa_cacatua_verde_28x28azul_longe_28x28turcaret_28x28Amadeus_miniaturamenina_julia_28x28Da República_miniaturagloria_28x28snapshots_28x28camareiro_28x28

Bicho do Mato