David Harrower

Nasceu em 1966, em Edimburgo. A sua primeira peça, Facas nas Galinhas (1995), encenada por Philip Howard, foi uma co-produção do Bush Theatre e Traverse Theatre e conheceu grande sucesso em alguns dos mais importantes palcos europeus. Matem os Velhos Torturem-lhes as Crias estreou em 1999, numa encenação de Philip Howard, para o Traverse Theatre. Em Abril de 2001, Presença estreou no Royal Court Theatre Upstairs, de Londres, e foi encenada por James Kerr, seguida de Terra Preta, em 2003.

David Harrower fez várias adaptações de textos, tais como: a novela de ficção científica As Crisálidas (NI Connections, 1996); Seis Personagens à Procura de um Autor, de Pirandello (Young Vic, 2001); Woyzeck, de Büchner (Edinburgh Lyceum, 2001); Ivanov, de Tchekhov (National Theatre, 2002); Rapariga no Sofá, de Jon Fosse (Edinburgh International Festival/Schabühne, 2002) e Histórias dos Bosques de Viena, de Ödön von Horváth (National Theatre, 2003).

Blackbird, apresentada pela primeira vez no King’s Theatre, em Edimburgo, a 15 de Agosto de 2005, foi nomeada para Peça do Ano pela Saltire Society (2005) e recebeu o Lawrence Olivier Award para a Melhor Peça Revelação em 2007. No TNDM II, estreou em Janeiro de 2010 com encenação de Tiago Guedes.

Bicho do Mato